Na semana passada, a Volkswagen apresentou a nova geração da família Golf. Contrariando a expectativa de que o carro seria lançado no final de setembro,  no Salão de Paris, na França, a montadora se antecipou e não decepcionou.

Para começar, o novo Golf passou por uma série de expressivas mudanças. O carro, por exemplo, é o primeiro da Volkswagen a contar com a moderna plataforma modular MOB, já vista e testada em modelos como o A3 da Audi.

As dimensões também mudaram, afinal, o novo carro teve seu tamanho ampliado, ficando 5,6 cm maior no comprimento, cerca de 3 cm mais baixo e com a distância  entre eixos 5,9 cm maior que o modelo anterior. O porta-malas também ficou mais amplo e na nova geração conta com 30 l a mais.

De acordo com informações da Volkswagen, apesar de maior, o carro ficou mais leve 100 kg. Esse fato se deve à utilização de alumínio na composição do novo Golf. Como se não bastasse, o lançamento apresenta sistema com acionamento elétrico para frenagem de estacionamento. Vale acrescentar que a última mudança expressiva (reestilização) que feita no Golf no Brasil havia ocorrido há 4 anos.

Por Larissa Mendes de Oliveira

 


A nova geração do Citroën C3 chega às lojas do Brasil nesse mês de Agosto com novidades, novas versões e com um novo visual.

Segundo as primeiras fotos divulgadas, o compacto contará com mudanças no para-choque dianteiro, além de um novo design na grade do radiador e os faróis, com o formato bumerangue. Ainda falando sobre o visual externo do carro, o novo C3 estará estreando novas rodas de liga leve de 16 polegadas, que estão com um visual mais sedutor e arrojado.

O novo Citroën C3 foi produzido e será fabricado integralmente no Brasil, no estado do Rio de Janeiro. Segundo a montadora, o interior do veículo também vem recheado de mudanças, como o painel e outros itens, que foram totalmente modificados. Destaque para as aplicações cromadas no volante e nas saídas de ar.

Sob o capô, o compacto traz novidades também na nova geração de motores, que vêm com um melhor aproveitamento de combustível. Serão duas versões, sendo uma 1.5 Flex, com 93cv de potência, e uma versão 1.6 16V Flex, chegando 122cv de potência, contando com a tecnologia Flex Smart. O câmbio também terá duas opções, sendo manual, com cinco marchas, ou automático.

Em três novas versões: Origine, Tendance e Exclusive, o novo C3 será vendido em sete opções de cores e estará nas lojas a partir deste mês.

Por Helena Cortez
 


Quem já estava com saudade da Fiat, já pode comemorar, porque a nova geração do Siena está para ser lançada em breve.  No dia 23 de março ele será apresentado formalmente à imprensa brasileira e logo estará nas concessionárias da montadora para que os clientes possam adquiri-lo o mais rápido possível.

Já é a terceira reestilização que o sedã sofre. Desta vez, ele não será mais um compacto esportivo como o Palio. Ele está mais elegante e aposta pela sua sofisticação elevada. Por causa de seu novo design e também, novas funções refinadas, o Siena custará mais caro do que os seus antecessores.

O principal objetivo da Fiat era realmente transformar o sedã em outro modelo, bastante distinto do novo Palio. A fabricante de carros propunha tirar o Siena das garras da popularidade e transformá-lo em hatch menos peculiar, como o novo Ford New Fiesta Sedan ou o Polo Sedan da Volkswagen.

A nova visão social relacionada à nova geração do Siena vai acabar atingindo o foco da montadora e virar um verdadeiro automóvel “semiluxuoso”, comparado a outros modelos bem mais caros no mercado.

Por Jéssica Monteiro 

Fonte: IG


A Hyundai é famosa por investir fortemente em novas tecnologias. Com ousadia, a empresa lança ano após ano, carros que se destacam tanto no design, quanto no desempenho.

Não é diferente com a quarta geração do Elantra, um automóvel a gasolina feito para atingir até 40 milhas por galão, o que  equivale a um consumo médio de 17 km por litro. Nos Estados Unidos, essa marca numérica serve de referência de bom consumo quando se trata de um carro híbrido, o que não é o caso do Elantra.

Como se não bastasse, além dos atributos econômicos, a fabricante acertou em cheio no visual da nova versão do Elantra, que possui volumes diferenciados, linhas com vincos marcantes e tem como matéria-prima o alumínio, que deixa a máquina com um ar futurista e inusitado. Traços reafirmados a cada criação da Hyundai. Outra grande vantagem do carro é o seu bom desempenho, que chega a bons 148 cavalos de potência.

No segundo semestre de 2012, mais especificamente em setembro, o Elantra será lançado.

Serão comercializadas quatro versões do modelo e os preços variarão entre R$ 68.700,00 e R$ 81.200,00. Não custará barato, mas a promessa é de que o custo benefício será realmente compensador.

Por Larissa Mendes de Oliveira


Um dos carros mais populares do Brasil finalmente ganhou uma nova versão. Após 15 anos sem grandes alterações a Fiat apresenta o novo Palio segunda geração.

Com mais espaço interno, em estilo simples e elegante o novo Palio segunda geração promete concorrer em igual estilo com os adversários. As mudanças foram por completo e nem mesmo simples detalhes como a assinatura da palavra Palio ficaram de fora, ganhando um estilo totalmente customizado.

Mais moderno, com faróis dianteiros levemente alongados, assim como as lanternas traseiras, o novo hatchback ganhou aumento no entre-eixos, o que consequentemente trouxe mais espaço aos ocupantes. O aumento de espaço interno não significou perda de extensão no porta-malas que foi ampliado de 275 para 280 litros. O painel também ganha destaque com personalizações diferenciadas em cada versão.

O novo Palio no modelo Attractive 1.0, é Flex, com 75 cv, tem um diferencial que promete fazer a cabeça do consumidor na hora da escolha, pois a versão “seca” do veículo inclui computador de bordo, desembaçador traseiro, direção hidráulica, detalhes externos como maçanetas e para-choques na cor do veículo, além de outros adicionais que fizeram bastante diferença no novo hatch da Fiat.

Existem também outras versões do modelo, como Attractive 1.4, o Essence 1.6 que já conta com ar-condicionado de série, o Essence Dualogic com piloto automático e o Sporting com motor 1.6, piloto automático (opcional), dentre outros detalhes que fazem jus ao modelo.

Os motoristas ainda podem escolher outros adicionais, como freios ABS, apoio de braço para o motorista, MP3 com Bluetooth, dentre outros.  

O novo Palio segunda geração será vendido a partir de R$ 30.990 em sua versão mais simples.

Por Aline Gomes


Começam a surgir os primeiros detalhes do novo Porsche 911, sétima geração do clássico esportivo, que tem previsão de ser apresentada durante o Salão de Frankfurt, em setembro, na Alemanha. O novo cupê foi flagrado na fase final de testes na África do Sul, parcialmente camuflado, o que não foi suficiente para esconder algumas das novidades que estarão presentes em toda a linha.

A nova geração do 911 terá faróis menores e teto mais baixo que a versão atual, além de ter passado por alterações na distância entre-eixos, levemente alongada, o que já seria a preparação para a chegada de um novo propulsor híbrido, previsto para as atualizações futuras.

Falando em motores, eles também vão passar por modificações, ficando mais potentes e menos beberrões (cerca de 15% de economia). O bloco 3.6, que equipa a versão Carrera, por exemplo, vai ganhar um upgrade de 5 cv, passando dos atuais 345 cv para 350 cv de potência. Já o propulsor 3.8, que está sob o capô do Carrera S, terá a potência aumentada para 400 cv.

Para chegar a estes números, a marca alemã escalou um novo câmbio manual de 7 marchas e o sistema de recuperação de energia cinética (KERS).

Fonte: Car and Driver

Por André Gonçalves


Foram apresentadas as novas versões do Passat Sedã, Passat Variant e Passat Touareg, na quarta-feira (25/5), em Campos do Jordão (SP).

A Volkswagen investiu em inovações e os modelos ganharam uma série de itens opcionais com foco em tecnologia e segurança, como o Park Assist, recurso que ajuda o condutor a estacionar, além de sistema GPS e do ACC, capaz de estabelecer uma velocidade para o carro e distância a ser mantida em relação ao veículo da frente.

A sétima geração do Passat Sedã chegará às concessionárias da montadora custando a partir de R$ 106,7 mil, na versão com motor 2.0 TSI com potência de 211 cavalos e câmbio automático de 6 marchas.

O Passat Variant, versão Station Wagon do modelo, será vendido por R$ 113.130 mil e virá também equipado com motor 2.0 TSI e transmissão automática.

Custando a partir de R$ 220.990 mil, o Passat Touareg contará com motor 3.6 V6 com 280 cavalos de potência e transmissão automática de 8 velocidades. Já na versão com motor 4.2 V8, que desenvolve 360 cavalos de potência, o Touareg sairá por R$ 267.990 mil.

Por Andrea Gomes


A nova geração desse SUV da Volkswagen ficou mais leve e dinâmica; além de ser considerado um dos carros mais seguros de todos os tempos.

O novo Touareg alia luxo e conforto com a capacidade de enfrentar caminhos difíceis. Mais dinâmico e elegante, apresenta uma estrutura mais robusta e leve ao mesmo tempo, com sistema de segurança de última geração. Ele chega com duas versões de motores: V6 e V8; além de ser o primeiro automóvel da categoria com câmbio automático de oito marchas, sendo que a sétima e a oitava marcha são utilizadas como overdrive, o que traz uma economia de combustível.

Esta nova versão, por ser comercializada em todo o mundo, atende algumas especificações mais exigentes de proteção ao ciclista e ao pedestre. Em caso de atropelamento, o modelo tem um elemento deformável incluído no para-choque dianteiro para amortecer o impacto.

O Touareg vem com um novo teto solar panorâmico constituído por um módulo de vidro móvel na parte frontal e um segmento traseiro fixo. Seu vidro ainda é isolante e assim reduz a transmissão de calor e a passagem de luz solar, trazendo conforto térmico. 

O automóvel ainda dispõe de DVD player, comando de voz e tela sensível ao toque de oito polegadas que pode exibir mapas em 3D. Seu disco rígido pode armazenar música ou vídeo carregados de CD, DVD e cartão SD; além de possuir cabo para conexão de iPod.

Para mais informações, acesse: www.volkswagen.com/br.

Por Danielle Vieira


Os apaixonados pelo Uno Mille podem se animar para trocar de versão nos próximos anos. É que o novo Mille começará a ser fabricado em Pernambuco a partir de 2014, onde está sendo construída a nova fabrica da empresa. Por enquanto, o que se sabe de concreto é que o novo modelo foi flagrado rodando nas ruas de Betim, em Minas Gerais,e agradou a crítica.

Inspirado no Fiat Seicento (600), pelo menos no que diz respeito à plataforma, na versão de testes do novo Mille pode-se perceber que ele será menor do que o antigo. Por outro lado, um novo design o aguarda, pondo um ponto final na atual concepção do carro, que ainda é produzida no Brasil e continuará sendo até o final de 2013.

Com um comprimento que chega a 3,34 metros, por 1,51 metros de largura e 1,42 metros de altura, a nova geração do Mille será de fato mais leve, característica que pode fazer com que os usuários percebam uma semelhança evidente com o Novo Uno. O motor provavelmente terá dois cilindros MultiAir da FPT, algo por si só condizente com outra característica a ser levada em conta pela montadora, que é o bom desempenho com alta economia e baixíssima emissão de gases poluentes.

Portanto, em princípio, há bons motivos para os atuais donos da versão passada fazerem o upgrade em 2014.

Por Alberto Vicente

Fonte: Auto Esporte


A Fiat é agora detentora de 46% da Chrysler, após pagar US$ 1,27 bilhão por esse percentual, conforme divulgou no Salão de Nova York, no dia 21 de abril. A montadora italiana também exibiu novidades em termos de carros, como o novo modelo do 500 versão conversível.

Com valor sugerido de US$ 20.000, o conversível da Fiat será o carro com preço mais em conta desse segmento.

Em maio as concessionárias Fiat dos Estados Unidos já devem começar a vender o novo modelo, que estará disponível em câmbio automático de seis marchas e na versão manual de cinco marchas. Quanto ao motor, é 1.4 a gasolina, com 104 Cv de potência. A capota do veículo terá acionamento elétrico e foi projetada para poder ser aberta com o carro se movendo com velocidade de até 96 km/h.

A fabricante disponibilizará o 500 conversível em 14 tonalidades para a carroceria e 3 para a capota de tecido duplo.

Por Andrea Gomes


Criado como homenagem e revitalização de um dos modelos de maior sucesso e longevidade da indústria automobilística, o New Beetle se redesenha e se transforma na nova geração que foi lançada mundialmente no último dia 18 de abril.

Com um desenho menos inclinado, acréscimo em suas dimensões, mas mantendo as linhas modernas, ousadas e um design conceitualmente audacioso o Beetle mantém o charme que caracteriza o modelo aliando este conceito visual atual a uma motorização potente e eficiente.

Esta nova geração contará com três versões de propulsores: a 2.0 l TFSI que poderá produzir 200 CV de potência e a 2.5 l com cinco cilindros com produção de potência na casa dos 140 CV, ambas movidas a gasolina. Além destas duas motorizações a nova geração contará também com uma versão movida a diesel com motor turbodiesel 2.0 l TDI que produzirá 140 CV de potência.

Esse novo modelo será produzido na planta da Volkswagen localizada no México e muito provavelmente será também comercializado no Brasil.

Detalhe: entre as mudanças ocorreu uma no nome do carro, que não terá mais o New, passando a se chamar apenas Beetle.

Por Mauro Câmara

Fonte: G1


Com apresentação oficial marcada para o Salão de Xangai, que se inicia no próximo dia 21 de abril, o novo modelo global da Chevrolet, o sedã Malibu em sua nova geração teve imagens divulgadas pela montadora. Imagens que revelam um carro forte, de estrutura imponente e design charmoso. Sua frente é robusta, composta por uma bela grade e faróis proeminentes emoldurados por linhas equilibradas e vincos que formam o desenho do capô compondo um conjunto bonito, elegante e que carrega em si um tom de esportividade discreta, porém requintada.

De acordo com sites especializados a motorização da nova geração do sedã Malibu provavelmente manterá o propulsor ecotec 2.4 equipado com injeção eletrônica de combustível, já utilizado na versão atual e poderá haver um novo motor turbo 2.0 para a versão top de linha.

O elegante e robusto sedã Malabo deverá chegar ao mercado brasileiro no ano que vem.

Por Mauro Câmara


Velho conhecido do consumidor brasileiro, o Passat, modelo da Volkswagen, renova-se e se aprimora e já está em sua sétima geração. E cada vez mais robusto e potente. Lançado primeiramente na Índia, no último dia 29 de março, o novo Passat ganhou linhas mais atuais, design forte, mas ao mesmo tempo gracioso, com uma frente de linhas equilibradas de discreta, mas marcante elegância.

O emergente mercado de automóveis indiano receberá a versão movida a diesel com câmbio automático de embreagem dupla ou transmissão manual de seis marchas. Mas além desta versão movida a diesel, a sétima geração do Passat vem com quatro versões de motores alimentados a gasolina, a 1.4 TSI de 122 Cv, a 1.8 TSI que produz 160 Cv de potência; a versão 2.0 Litros e ainda um propulsor V6 de 3.6 Litros que chega a 300 Cv de potência. Nas versões a diesel os propulsores são 1.6 TDI de 105 Cv e 2.0 TDI que pode produzir 140 Cv ou 170 Cv. Os modelos do novo Passat movidos a diesel contam ainda com a possibilidade de serem equipados com o pacote de opcionais que inclui o sistema Star&Stop, que ajuda na economia de combustível.

Para o Brasil a chegada do novo Passat está prevista para próximo trimestre e enquanto ele não chega aqui, na Índia, a versão apresentada para comercialização custa a partir de US$ 46.222

Por Mauro Câmara

Fonte: G1


O ramo automotivo pertence ao seleto grupo de setores que sempre se reinventam, mensal ou anualmente. Com o bom cenário da economia brasileira no ano passado, fabricantes estrangeiras investiram maciçamente por aqui, seja na comercialização de novos modelos, seja na personalização dos veículos existentes.

A Ford divulgou, há poucos dias, o lançamento do Focus Titanium 2.0 Flex, considerado versão top de linha da série. As novidades começam pelas cores disponíveis aos consumidores: a metálica prata Geada, as perolizadas azul Mônaco, verde Lisboa, preto Gales e cinza Ubatuba e a tonalidade sólida branco Ártico.

São duas as versões abrangidas na versão Titanium 2.0 Flex, a Sedã e a Hatch. Com rodas de liga leve aro 16, os modelos contam com espelhos retrovisores interno eletrocrômico, sensor de chuva, porta-luvas refrigerado, teto solar elétrico, direção com assistência eletro-hidráulica (propicia ao motorista menor consumo de combustível e manobras mais leves), ar condicionado digital, piloto automático e bancos de couro.

Em relação ao sistema de som, a Ford emplacou no Titanium controles no próprio volante, os quais permitem ao condutor executar CD e MP3 sem deslocar veementemente seus braços. Ainda existe conectividade Bluetooth e entrada para dispositivos USB.

O preço sugerido ao Titanium na versão Hatch é de R$ 71,660,00 e de R$ 78.430,00 para a versão Sedã.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Ford


A Honda anunciou recentemente a nova geração 2012 do Honda Civic. Essa versão chegará ao Brasil apenas no segundo semestre deste ano.

Conforme antecipado por sua exibição no Salão de Detroit, essa nova geração vem com poucas mudanças com relação ao atual. As alterações mais visíveis estão na traseira com um novo desenho, em especial mais aparente nas lanternas, onde passam a se prolongar em direção a lateral do veículo. Tanto na frente do veículo como em seu interior as mudanças foram mínimas, sendo o designer utilizado praticamente o mesmo do modelo atual.

Os preços ainda não foram divulgados, porém, a Honda espera reaver a liderança neste segmento, que há muito tempo está no controle de sua maior rival com o veículo Toyota Corolla.

Só nos resta agora, aguardar o comunicado da empresa, informando o valor do veículo e a data exata para seu lançamento no Brasil.

Por Henrique Pereira





CONTINUE NAVEGANDO: