Modelo ganhou mais acessórios e teve seu preço reajustado.

A nova linha dos Ford Ka e Ka+ 2017 vem com valores reajustados pela empresa e agora iniciam em R$ 41.990 para a versão hatch e no sedã parte de R$ 44.990. O aumento, no geral, oscila entre R$ 300 e R$ 550 e foi incidido sobre todas as versões da linha. No entanto, a empresa também aproveitou que virou o ano e modelo para que assim equipasse a linha 2017 com novos acessórios. A partir de agora, o Ka e o Ka + já terá em todas as versões, diretamente de fábrica: apoio de cabeça no banco traseiro central, banco bipartido na proporção 60 – 40, além de cinto de segurança de três pontos.

Também a versão SEL Plus, que é top de linha do sedã Ka+, passa, a partir de agora, a ter sensor de estacionamento traseiro e bancos revestidos em couro. De acordo com o gerente de produto da Ford, Fernando Pfeiffer, na linha 2017 foram reforçados todos os catálogos dos modelos Ka e Ka+ com novos acessórios de série. Além de ter agregado mais segurança e requinte na versão de topo, com o diferencial de sensor de ré e banco de couro.

Uma outra novidade para esta linha é o plano de revisões que foi definido com plano fixo. Serão somente três revisões pelos três primeiros anos de uso e deve ocorrer a cada 12 meses ou 10.000 km rodados. Anteriormente, a primeira revisão deveria ser realizada partir do sexto mês de uso. A mudança ocorreu para que reduzisse o custo de manutenção em 32%, de acordo com a montadora.

Abaixo seguem os preços atualizados da linha:

  • Ford Ka SE 1.0: R$ 41.990, era: R$ 41.590
  • Ford Ka SE Plus 1.0: R$ 44.390, era: R$ 43.990
  • Ford Ka SE 1.5: R$ 45.990, era: R$ 45.690
  • Ford Ka SE Plus 1.5: R$ 48.390, era: R$ 48.090
  • Ford Ka SEL 1.0: R$ 48.140, era: R$ 47.590
  • Ford Ka SEL 1.5: R$ 52.140, era: R$ 51.690
  • Ka+ SE Plus 1.0: R$ 47.390, era: R$ 46.990
  • Ka+ SE 1.0: R$ 44.990, era: R$ 44.590
  • Ka+ SEL 1.0: R$ 51.140, era: R$ 50.590
  • Ka+ SE Plus 1.5: R$ 51.390, era: R$ 51.090
  • Ka+ SE 1.5: R$ 48.990, era: R$ 48.690
  • Ka+ SEL 1.5: R$ 55.140, era: R$ 54.690
  • Ka+ SEL Plus: R$ 57.840.

FILIPE R SILVA


O novo Ford Ka 1.0 tem um estilo superarrojado e bem moderno que combina muitas das características que se procura num carro de cidade. 

Características:

Quem desenhou o carro pensou, essencialmente, no conforto da condução. Foram acrescentadas algumas características que primam pela inovação:

  • Bancos aquecidos (muito bom para as manhãs de inverno);
  • HLA – Assistência ao Arranque em Subida – uma funcionalidade para não se deixar o carro ir abaixo em subidas ou pisos mais íngremes;
  • Possibilidade de escolha do tipo de motor pretendido – a gasolina ou a diesel. 

Além das mais recentes combinações, o Ford Ka 1.0 traz ainda funcionalidades mais básicas, mas que não deixam de ter muita importância:

  • Possibilidade de alto-falante para o telemóvel;
  • Sensores automáticos para o estacionamento;
  • Os faróis ficam ligados após sair do carro, para iluminar o caminho percorrido.

Estilo:

Por dentro e por fora, o Ka 1.0 tem muito estilo, o que lhe faz valer uma legião de fãs. Este é um carro que serve tanto para homem quanto para mulher, já que o seu design é super clean e moderno e a escolha das cores é muito variada. Os seus pormenores o tornam um carro com um aspeto muito futurista, o que traz uma sensação de segurança. O design exterior do carro é muito robusto. 

Um pormenor para se ter em conta neste carro, é o design dos faróis. Ao lado das lanternas, foram acrescentados prolongamentos em formas de asa, o que lhe confere uma sensação de rapidez e leveza na movimentação. 

Preço:

Quanto ao preço, este não é muito barato, mas é uma boa opção para quem procura um carro estável, novo e de cidade. Varia entre os R$ 35.400 e os R$ 40.000. Essa variação dependerá sempre dos extras escolhidos. No entanto, o seu preço base já contempla muita coisa, como está referido acima, nas "Características".  

Tamanho:

O novo Ford Ka 1.0 não é muito grande mas tem um tamanho suficiente para ser acolhedor por dentro e confortável e, ao mesmo tempo, ser prático para estacionar em qualquer lado da cidade. 

A página no Facebook do novo Ford Ka 1.0 reúne comentários de fãs e de utilizadores deste carro. Confira.

Por Mariana Silva

Ford Ka 2015

Ford Ka 2015

Fotos: Divulgação


Após forte campanha publicitária, tanto na TV quanto na internet, a Ford começa a colher resultados com seu Novo KA. De acordo com a Fenabrave em um resultado parcial, o carro foi o décimo mais vendido em setembro. Um ótimo resultado, tendo em vista que o modelo começou a ser vendido a apenas um mês.

O resultado poderia ser ainda melhor, mas a montadora não ofereceu taxas especiais para o lançamento.

Foto: divulgação

O ranking de vendas dos modelos deve se consolidar na seguinte ordem: Fiat Pálio, Chevrolet Onix, Volkswagen Gol, Hyundai HB20, Fiat Siena, Fiat Uno, Chevrolet Prisma, Volkswagen Fox, Renaut Sandero e Ford KA.

A campanha na TV, internet e na mídia impressa buscou retratar o carro como uma aquisição importante na vida dos consumidores. Seu primeiro slogan foi "Novo KA, o começo de uma grande história" e trás Lazaro Ramos como garoto propaganda.

Foto: divulgação

Com concorrentes de peso e já consolidados, o resultado do estreante surpreende, inclusive, por já ter chamado para recall no mês de lançamento. Segundo a montadora, o problema se deu na ignição, que pode, em certos momentos, sair da posição ligado e acionar a função acessório, o que desligaria o motor, mesmo em pleno funcionamento. Das mais de 7.000 unidades vendidas apenas 219 apresentam o defeito.

Nas redes sociais os consumidores comentam que o carro ficou mais espaçoso e confortável, porém, há diversas comparações com o Up! da Volkswagen. Outros pedem uma versão mais potente a partir de 1.6.

Com visual acertado e várias modificações, este é realmente um modelo novo da linha KA, capaz de fazer o consumidor esquecer o antigo modelo. Esquecer, inclusive, o péssimo resultado do crash-test do antigo KA.

O Novo KA deve conseguir, segundo a montadora, quatro estrelas no rigoroso teste, que pode chegar até cinco estrelas.

Foto: divulgação

O Novo KA é encontrado a partir de R$ 35.390,00 na versão hatch de 1.0 e por R$ 44.990,00 na sedã mais completa, de 1.5. Todos os modelos vêm com direção elétrica e podem ser abastecidos com gasolina e etanol.

Por Fhilipe Augusto Silva Souza


Depois de apresentar a configuração hatchback da nova geração do Ford Ka, a fabricante estadunidense lançou no Brasil a versão sedan, o Ka+. Inaugurando uma versão de carroceria inédita para o Ka, o sedan compacto completa a linha global da Ford no mercado brasileiro que foi totalmente renovada nos últimos anos. O Ka hatch chega às concessionárias da Ford em meados de setembro, enquanto que a configuração sedan (Ka+) estará disponível nas lojas da marca em um momento posterior.

Visualmente, a configuração sedan conta com o mesmo desenho do Ka hatch, seguindo as características atuais de design dos últimos lançamentos da Ford, com destaque para a ampla grade frontal com formato trapezoidal e o desenho dos faróis dianteiros. Contudo, o modelo sedan traz grade filetada, enquanto que o hatch possui grade com disposição do tipo colmeia. Outro ponto de diferenciação entre os modelos é o acabamento interior do farol, já que na versão hatch possui máscara negra e no Ka+ nota-se o interior cromado.

Com o prolongamento do porta-malas, o Ka+ tem capacidade de comportar 445 litros de bagagem, com direto a braços pantográficos.

Enquanto o Ka hatchback terá como principal rival o Hyundai HB20, o Ka+ terá que concorrer de frente com a nova geração do Renault Logan entre os sedans compactos com boa capacidade de carga, bons equipamentos e preço relativamente mais baixo.

Para tanto, o novo Ford Ka+ deixa de lado o acabamento em aço escovado, mais voltado para o público mais jovem, e adota os apliques em Black Piano e revestimento dos bancos com tecido exclusivo, tudo para atrair os consumidores do segmento.

Disponível nas versões de acabamento SE, SE Plus e SEL, as mesmas oferecidas na configuração hatchback, o novo Ford Ka+ terá ainda duas opção de motorização. A primeira opção é o carro trazer o novo motor três cilindros aspirado 1.0 Fox TiVCT 12V Flex, com sistema Easy Start que dispensa o uso de tanquinho, capaz de entregar até 85 cv e torque de 10,7 kgfm quando abastecido com etanol. A segunda opção é o bloco 1.5 Sigma Flex que rende até 111 cv e torque de 14,9 kgfm com etanol, o mesmo propulsor utilizado no New Fiesta. Independente do motor, o Ka+ sempre vem com câmbio manual de cinco velocidades.

Abaixo, versões e preços do novo Ford Ka+:

– SE 1.0 – R$ 37.890;

– SE Plus 1.0 – R$ 39.890;

– SEL 1.0 – R$ 42.490;

– SE 1.5 – R$ 42.890;

– SE Plus 1.5 – R$ 44.890;

– SEL 1.5 – R$ 47.490.

Por Caio Polo

Ford Ka+

Foto: Divulgação


A Ford, uma das maiores montadoras de veículos do mundo, divulgou detalhes do Novo Ford Ka, que pela primeira vez na história terá quatro portas, e de acordo com medições feitas em laboratório, o veículo consumirá apenas um litro de gasolina para cada 13,8 km rodados em média; na cidade o consumo diminui para 13,1 km por litro e na estrada pode chegar até 15,1 km por litro.

Por ser "Flex", o modelo também foi avaliado quando abastecido com etanol e com este combustível consome em média 9,5 km por litro; nas vias urbanas o consumo cai para 8,9 km por litro e nas estradas rodoviárias gira em torno de 10,4 km por litro de etanol. Após medições, o Novo Ford Ka obteve nota máxima no "Conpet", o programa de etiquetagem veicular do Inmetro, sendo classificado como o modelo mais econômico do Brasil na categoria dos compactos.

Outra novidade no Novo Ford Ka é que dessa vez o veículo terá como opção de compra os modelos hatch e sedan, ambos com motor 1.0 e potência de 80 cavalos. Com o intuito de facilitar a vida dos motoristas, principalmente em épocas com temperaturas mais baixas, o supracitado carro da FORD terá sistema de partida a frio, dispensando, assim, o uso de tanque auxiliar de gasolina.

As propagandas do Novo Ford Ka estão cada dia mais evidentes, e desde o seu pré-anúncio a Ford já se gabava por possuir o veículo mais econômico e ainda assim não dispensar o ar condicionado. O Up!, mais novo popular da VW, deve ser o grande concorrente do Novo For Ka. Com relação ao consumo de combustível, os dois se equivalem, no entanto o modelo da Ford se sobressai em vias urbanas, enquanto o Up! ganha no consumo pelas estradas rodoviárias.

Como falado, o Novo Ka é tido como compacto pelos especialistas e, assim, é classificado no mesmo segmento do Toyota Etios, VW Gol, New Fiesta, sendo considerado o mais eficiente da categoria e promessa real de estouro de vendas no país.

Por Vinicius Cunha

Novo Ford Ka

Foto: Divulgação


Nesta segunda-feira, dia 3 de janeiro, a Ford apresentou as novíssimas versões sedã e hatch do Ka. O nome continua o mesmo, mas o carro é totalmente novo.

O veículo, que foi feito em Camaçari (BA), será vendido como carro global, ou seja, igual em diversos países.

A ideia é que o novo Ford Ka tenha altos volumes de vendas no mercado. A montadora está tão focada nisto, que na Índia foi apresentado um “quase irmão” desse sedã com o nome de Figo, também já usado pela Ford. Porém, o carro que será vendido no Brasil terá uma traseira maior em relação ao modelo indiano.

Será a primeira vez que o Ka terá carroceria de três volumes. O modelo hatch, que foi apresentado no ano passado, provavelmente será o primeiro a ser lançado ainda neste trimestre de 2014.

Já o sedã deve vir como atração da Ford no Salão de São Paulo, no mês de outubro.

A Ford chamou o sedã de Ka Concept 4 portas, deixando para se referir ao hatch como o Ka 5 portas.

A montadora mantém os preços em sigilo, mas o modelo será o de entrada. Sendo assim, será o mais barato do portfólio Ford, vindo logo após o New Fiesta, que sai por R$ 40.990.

A montadora informou que sairá de linha o Fiesta Rocam e o "Kazinho". Desta maneira o Ford Ka Sedã será o substituto natural do Fiesta Sedan Rocam, que sairá de linha, pois o New Fiesta se posiciona em uma faixa de preço superior.

Vale lembrar que a Ford tem como meta vender no Brasil apenas modelos globais até 2015, porém com estes dois lançamentos a meta será alcançada ainda este ano, conforme o anúncio o presidente da filial brasileira, Steven Armstrong.

Segundo Armstrong, o novo Ka deve ter como maior concorrente o Hyundai HB20, seguido do Volkswagen Up!

A Ford apresentou somente o exterior dos veículos. Porém, a tecnologia, a economia em consumo e o conforto, devem ser atrativos do novo carro.

Por Ageu da Rocha


A Ford mostrou como será o visual do KA Concept, modelo futurista do conhecido KA. A apresentação do veículo aconteceu no dia 13 de novembro, na Bahia, em uma cerimônia onde William Clay Ford Jr. (bisneto de Henry Ford) compareceu juntamente com outros membros de suma importância da empresa (Ford).

O automóvel foi lançado como veículo experimental, mas não mudou muito da versão já conhecida. A sua chegada está prevista para acontecer entre Janeiro e Junho de 2014.

Este modelo é um pouco mais avantajado do que o seu antecessor, ele vem com a exigida versão quatro portas (mais porta traseira) e também fornecerá mais conforto aos viajantes.

O Ford KA Concept foi o segundo modelo produzido aqui no Brasil, sendo que o primeiro foi o EcoSport. A expectativa da fabricante é que ele ocupe o lugar do Fiesta Rocam e do antigo Ka.

O Ford Ka Concept se apresentará nas versões hatch e sedã (o modelo sedã será o substituto do New Fiesta), o que levará a fábrica de Camaçari (Bahia) a produzir 300 mil carros por ano, tal produção será possível  graças a um investimento de R$ 2,8 bilhões que será realizado até o ano de 2015.

A Ford disponibilizou o que há de mais moderno em sua linha para o seu novo modelo (Ka Concept). A frente do automóvel vem com faróis cortantes e grades em forma de “trapézio” (bem assemelhado ao New Fiesta). Já nas laterais o seu design é mais moderado, com  linhas de cintura apresentando leves subidas. Por fim, a traseira vem com lanternas que dobram para as laterais até a altura do portas malas.

Este moderno exemplar da Ford pode chegar ao mercado com dois motores: 1.0 de três cilindros (exclusividade) e talvez  o Sigma 1.5 do New Fiesta, a última variedade de motor será para as versões com um preço mais salgado.

Por Igor Lima 


O novo Ford KA chegou ao mercado repleto de estilo e incrivelmente moderno. Com linhas marcantes e seguindo a tecnologia Kinetic Design (energia em movimento), este é um carro destaque em 2012. Ele ainda é  amplo e espaçoso, o que proporciona um maior conforto ao motorista e seus passageiros.

Totalmente reformulado, o interior deste modelo vem trazendo tudo ao alcance do motorista. Ele oferece: abertura elétrica do porta-malas, painel de instrumento de fácil visualização, porta-malas grande, lanternas traseiras com lentes translúcidas, para-choque traseiro integrado ao para-lama, Sistema Ford Antifurto, travas elétricas, controle remoto de abertura e fechamento de portas, travamento e retravamento automático a 15km/h e rodas de liga leve.

O KA possui motor RoCam Flex (álcool e gasolina) 1.0l, potência máxima de 69 cv a gasolina e 73 cv a álcool, taxa de compressão de 12,8 (taxa de compressão elevada e excelente relação potência/peso resultam em um desempenho superior), catalisador para acelerar o processo de redução de gases poluente e transmissão manual.

O novo Ford KA pode ser encontrado em 5 cores e todas as versões contam com os para-choques pintados da mesma cor que o veículo.

Por Jéssica Severo


Os modelos 2012 começam a chegar às concessionárias. Destaque para os novos KA, que trazem como novidade faróis com máscara negra, novo para-choque, lanternas tipo cristal e molduras nos retrovisores. Por dentro, o câmbio, as saídas de ar e as alavancas do freio receberam enfeites prateados.

O KA 2012 vem em quatro modelos com preços bem distintos. Você pode optar pelo KA Base, como o nome diz, bem básico, que sai a partir de R$ 24.500. Se preferir adicionar calotas de 14 polegadas, ar condicionado e travas elétricas, o modelo sairá por R$ 27.990.

Na versão Fly, o KA sai a partir de R$ 26.590 e vem com pequenos diferencias, incluindo vidros elétricos. Optando pela direção hidráulica, o Fly sai por R$ 27.790.

Já a versão mais luxuosa, o Pulse, já vem de fábrica com ar condicionado, direção hidráulica e travas elétricas e sai por R$ 29.590, podendo chegar a R$ 31.590 se preferir adicionar o som, as rodas de liga leve e o airbag.

Além dos elementos em comum já citados, todos os modelos acima (Base, Fly e Pulse) vêm com motor 1.0.

Para aqueles consumidores que gostam de mais potência, há o KA na versão Sport, com motor 1.6, rodas de aro de 15 polegadas e muitas outras novidades no exterior e interior, custando a partir de R$ 35.900.

Vale a pena ir a uma concessionária para checar essas novidades.

Por Ana Rebello

Fonte: Carro Online





CONTINUE NAVEGANDO: