O Departamento de Transporte dos Estados Unidos informou nesta terça-feira, dia 18 de dezembro de 2012, que a concessionária Toyota será multada no valor de 17,35 milhões de dólares.

Esta multa milionária será paga ao governo americano por ter informado um recall fora do prazo determinado pelas autoridades americanas.

O defeito que ocasionou este recall consiste em um problema de segurança em mais de 150.000 unidades do Lexus RX 350 e Lexus RX 450h que poderia gerar força no acelerador.

Segundo a Toyota, não houve por parte da empresa nenhum tipo de desrespeito às regras de segurança dos Estados Unidos e que irá pagar o valor estipulado para a multa, pois pretende evitar longos processos judiciais.

Fonte: Reuters

Por Ana Camila Neves Morais


O Toyota Lexus GX 460 não está mais na lista de automóveis que a revista americana Consumer Reports recomenda que os consumidores não comprem. A informação foi divulgada depois que a montadora tomou todas as providências para tornar o carro mais seguro. Segundo a revista, uma falha no controle de estabilidade dos veículos da linha poderia ocasionar o capotamento em certas situações.

Após a publicação da falha na revista, a Toyota parou as vendas e a fabricação do Lexus. E logo iniciou uma investigação para descobrir aonde estava o problema. Mesmo não tendo ocorrido nenhum acidente, a empresa chamou os clientes para corrigir a falha no controle de estabilidade. Quase dez mil unidades foram afetadas.

O interessante é que tudo o que a montadora fez foi atualizar o software do computador de bordo. Com isso a revista considerou o resultado satisfatório e cancelou recomendação para os clientes não adquirissem o veículo.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Autoesporte





CONTINUE NAVEGANDO: