Produção do modelo que poderá ser utilizado nas ruas já teve início.

A McLaren está produzindo uma versão para utilização do modelo P1 GTR nas ruas, que foi mostrado no Salão de Genebra, em 2015, de acordo com a revista inglesa Autocar. No total, 40 unidades do veículo já foram comercializadas para clientes da empresa que já compraram o híbrido P1.

A produção será realizada pela Lanzante para a versão de rua, que poderá iniciar fabricando alguns veículos que sigam as regras de trânsito do continente europeu para, em seguida, chegar ao Oriente Médio, entretanto não deverá estar somente neles, uma vez que outros mercados poderão ser considerados também.

Contudo, concederam a autorização para a companhia produzir o veículo e irão ajudar para confirmar que o P1 GTR se trate do veículo mais qualificado possível.

A McLaren também divulgou o recebimento do novo 540C. O modelo adota quase a linha idêntica do 570S, entretanto, possui um novo pacote aerodinâmico e também rodas de 19 ou 20 polegadas únicas. Na parte interior, o veículo tem revestimento em couro nos bancos, painel de instrumento, painel e portas. Nos componentes de série, o fator principal é o sistema de entretenimento com visor de sete polegadas, que possui Bluetooth e navegador GPS.

Na motorização, por sua vez, o modelo tem um motor V8 de 3.8 litros biturbo, que possibilita 540 cv e 55 kgfm de torque, possuindo uma transmissão SSG de sete marchas e dupla embreagem. O veículo possibilita acelerar de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos e acelera de 0 a 200 km/h em 10,5 segundos, tendo a velocidade máxima de 320 km/h.

Segundo a empresa, a união de suspensão do novo veículo possui novos amortecedores para fornecer uma direção mais qualificada a cada dia. O peso é de 1.311 kg, devido à utilização de painéis de alumínio na carroceria e também chassi de fibra de carbono. O modelo terá o valor de 126 mil libras.

Por Felipe Couto de Oliveira

McLaren P1 GTR

McLaren P1 GTR

Fotos: Divulgação


Confira novidades do modelo que será apresentado no Salão de Nova York

Na próxima quarta-feira (1º), a McLaren disseminará seu atual arquétipo no Salão de Nova York, nomeado 570S Coupe. O principal teaser já havia sido exposto ao público, entretanto, nesta quarta-feira (25), mais uma representação do carro que apresenta design esportivo veio a público, bem como determinadas notícias sobre o mesmo.

A McLaren desprendeu um último teaser do 570S Coupe, o inicial da Sports Series, a nova gama de ascensão da marca britânica, que será apresentado ao público em 1º de abril no Salão de Nova Iorque. O coupé que apresenta dois lugares, sobre o qual muitas questões têm sido expressadas lentamente, terá 570 cv debitados no motor central V8 biturbo 3.8 e ficará à venda a partir do fim do evento norte-americano, por apenas 140 mil libras, o análogo a 190 mil euros, no mercado inglês. O novo modelo de chassis monobloco em fibra de carbono conterá uma derivação “C” para o mercado asiático, 540C, com 540 cv, que encetará no Salão de Xangai, na China, em abril. Os custos serão norteados com os do Porsche 911 Turbo e Turbo S, simultaneamente.

Para o mercado oriental, o modelo pode ser apontado como 540C e receber 440 cavalos. O modelo pode ser apresentado no Salão de Shanghai, na China.

Tanto o 540C e quanto o 570S exporão chassi de fibra de carbono, assim como o P1 e o 650S, mas os valores como especificados acima não serão muito acessíveis, estando próximos aos custos que estão associados ao modelo Porsche 911 Turbo e Turbo S.

Acredita-se ainda uma versão Spider, uma versão GT mais extensa, um topo de gama Long Tail, ao estilo do 675LT, assim como uma versão de pista GT3.

Agora é esperar para que todos possam observar os detalhes de perto, e verificar se realmente o carro compõe e expõe tudo o que está sendo divulgado em imprensa. A expectativa do público que consiste em adoradores de carros é grande. 

Por Lorena de Oliveira

McLaren 570S Coupe

McLaren 570S Coupe

Fotos: Divulgação


Mais um interessante lançamento chegou no mercado automobilístico neste mês, pois após um ano de apresentar o superesportivo MP4-12C a McLaren lançou um pacote com melhorias neste carro, principalmente pelo aumento de cavalos na potência de seu motor 3.8 bi-turbo.

Além disso, as outras novidades são: a reprogramação da ECU (Unidade de Controle Eletrônico); a potência do motor foi aumentada de 600 para 625 cavalos; o aperfeiçoamento na transmissão SSG de velocidades que ocasionou em uma resposta à aceleração e controle de embreagem melhorada; e as mudanças de velocidade são feitas de forma mais rápida e suave.

Sobre estas inovações, a versão 2013 promove uma arrancada de 0 a 100 km/h em 31,1 segundos e os tempos foram diminuídos de 0 a 200 km/h para 8,8 segundos e de 0 a 300 km/h para 26,5 segundos.

Outra novidade neste novo modelo é a versão atualizada do I-SG (gerador de admissão) que controla a quantidade de som de admissão que é ouvida na cabine do carro. Este sistema agora é programável nos três modos de powertrain (Sport, Normal e Track).

Outras melhorias são o novo sistema de acionamento das portas e de climatação, além de novas cores, rodas diferenciadas, novo acabamento interno e um sistema que permite que o veículo seja elevado até 40 milímetros na parte dianteira e 25 milímetros na parte traseira em relação ao solo.

Para aqueles que já possuem este carro as mudanças podem ser feitas de forma gratuita conforme informações oferecidas pela montadora.

Portanto, para os apaixonados por velocidade esta é uma ótima opção de veículo para acelerar fundo.

Por Ana Camila Neves Morais





CONTINUE NAVEGANDO: