O Jetta 2012 da Volkswagen vem pronto para bater seus concorrentes no Brasil, principalmente o Corolla da Toyota e o Civic da Honda. Em contrapartida, a montadora alemã tirará do mercado o Bora para dar espaço a dois modelos do novo Jetta. Assim, a versão Comfortline, com câmbio manual ou automático, terá os preços de entrada e intermediário dos sedãs médio, a R$65.755 e R$66.990, respectivamente. Já a versão Highline, topo de linha, será vendido a R$89.520. A Volkswagen do Brasil pretende vender 2 mil unidades do Jetta por mês.

O motor do Comfortline é 2.0 flex com 120 Cv de potência e 18,4 kgfm de torque, enquanto o motor do Highline é TSI movido a gasolina com 200 Cv e torque de 28,5 kgfm.

O desenho do carro teve ajuda de dois brasileiros: José e Marco Pavone. A carroceria tem traços horizontais e capô em formato de “V”. No entanto, o destaque do carro fica por conta do acabamento interno, onde os materiais utilizados foram escolhidos minuciosamente. As cores são neutras, o que traz mais luxo ao sedã, e os instrumentos do painel ficam bem distribuídos. Há também mais espaço tanto para o motorista quanto para os passageiros, que podem deixar as pernas posicionadas confortavelmente.

Por Flávia Yoshitani


Os carros mais caros da Volkswagen não têm muita tradição no Brasil, pois a empresa baseia suas vendas e comerciais no Gol e no Golf. No entanto, a montadora alemã está apostando em um novo mercado com a sexta geração do sedã Jetta, produzido no México.

Porém, o carro tem previsão de chegar ao país somente em março ou abril, mas para quem está curioso, há um link no site oficial da montadora (www.volkswagen.com/br) mostrando o novo automóvel, com esboços e papéis de parede para serem baixados.

O modelo é baseado na plataforma do Golf e tem 9 cm a mais que a presente versão. Ele deve vir com motor de quatro cilindros 2.0 litros flex, com transmissão automática DSG de seis relações. Para os interessados, é só fazer o cadastro no site e receber novas notícias sobre o carro. 

Por Flávia Yoshitani


Depois de divulgar o novo Jetta para 2011 na Europa e EUA, a Volkswagem mostrou a configuração dos motores para o veículo. Serão quatro os motores nos EUA, todos a gasolina.

O Modelo  2.0 de 115cv, pode alcançar uma velocidade de 193 km/h. O mais potente é o 2.0 TSI de 200cv, chega aos 209km/h, e seu consumo médio é de 14,4km/l. Há esperança que podemos ter algo similiar aqui no Brasil, já que o Jetta americano é produzido no México.

O salão de São Paulo irá mostrar o sedã que é fabricado em terras mexicanas e terá quatro motores, a gasolina, que chegarão a Europa.

O grande destaque é o 1.2TSI que alia economia e rendimento. Segundo a montadora, o bloco faz 18,8km/l, e chega aos 100km/h em apenas 10,9 segundos. Ainda se encontra os modelos 1.4 TSI e a diesel com os blocos 1.6 e 2.0 TDI.

Oscar Ariel





CONTINUE NAVEGANDO: