Modelo passou por uma reformulação e ganhou elementos do C4 Picasso e C4 Cactus.

Apesar de ainda não ter previsão de fabricação e produção no Brasil, nesta quarta-feira, dia 29 de junho, a Citroën lançou oficialmente na Europa o seu novo C3, que integra a nova geração do modelo. Com um visual reformulado e bastante original, com elementos do C4 Picasso e do C4 Cactus, o novo veículo apresenta uma grande variedade de customizações de cores, além de equipamentos modernos que conferem um visual ainda mais bonito e, principalmente, praticidade ao carro.

Como forma de achar o seu espaço entre outros compactos como os modelos Peugeot 208 e Renault Clio, entre as modernidades apresentadas pelo novo carro da montadora francesa pode-se citar a câmera no espelho retrovisor interno, que possibilita o registro por fotos da viagem e também a gravação de pequenos vídeos de curta duração para postar nas redes sociais. Além disso, a mesma tem a capacidade de gravar até trinta segundos que antecedem um acidente veicular, além de os sessenta segundos posteriores. Tudo isso é realizado em alta definição e pode ser armazenado, uma vez que o dispositivo possui 16 GB de memória interna.

Além destes, o novo C3 possui entrada e partida sem chave, uma tecnologia que vários carros tem utilizado, chamado de sistema “keyless”. Ainda, o compacto vem com uma tela de 7 polegadas e multimídia.

O motor é da família PureTech, de 1.2 litro e 3 cilindros. Na versão européia, o propulsor aparece nas versões de 68, 82 e 110 cavalos de potência. Porém, ao que tudo indica, os brasileiros poderão esperar aqui uma versão flex com 90 cv.

Já no que se refere às tecnologias de assistência ao motorista, o veículo possui monitoramento de ponto cego, alerta sobre mudança de faixa e controle de saída de rampa. É importante saber que estes fatores tratam de importantes diferenciais, uma vez que tais requisitos, no Brasil, somente são encontrados em carros de segmentos superiores ou de luxo.

Mudaram também as dimensões do novo C3 em relação à geração anterior, tendo 5 centímetros a mais de comprimento, 4 centímetros a mais na largura, 5 centímetros a menos na altura e 8 centímetros na distância entre-eixos.

Quem quiser saber mais sobre o veículo e suas novidades, pode fazê-lo pelo site oficial da montadora (http://www.citroen.com/en/Highlight/17/discover-new-citroen-c3). Ainda é possível ver o vídeo divulgação do carro abaixo.

Kellen Kunz


Veículo ganha novo conjunto mecânico e será produzido na Argentina.

A Citroen anunciou a produção do novo Citroen C4 Lounge na Argentina. O novo modelo será equipado com as atualizações mecânicas que estão presentes atualmente nos novos e reestilizados Peugeot 308/408, que estarão em breve no mercado brasileiro. Não há, contudo, previsão de mudanças no visual do novo Citroen. As novidades estarão disponíveis apenas para as versões HDi e THP.

As versões do veículo contam com o tradicional motor 2.0 de 143 cv , que será equipado ainda com um câmbio manual de 5 marchas. Já o Citroen Tendance, que possui um motor de 1,6 cilindradas a diesel de 115 cavalos, alterou o câmbio manual para 6 marchas ao invés do antigo câmbio de 5 marchas. Outro destaque observado nesta versão foi a nova função Overboost, que é capaz de aumentar o torque máximo de 24,5 para 27,5 kgfm a uma rotação de 1.750 por minuto (rpm).

As versões equipadas com motor 1.6 THP a gasolina ganharam a homologação para o Euro5. A potência também foi modificada, aumentou de 163 para 165 cv. Os modelos estreiam também com um câmbio automático de seis marchas. A promessa é de funcionamento mais suave, trocas de marcha mais rápidas e um modo para economizar combustível (modo “Eco”).

Além das modificações citadas, os modelos contarão ainda com uma modificação que irá baratear o preço do seguro. Trata de um pacote chamado “superbloqueio”.

Essa nova função será controlada por controle remoto e inativa todos os botões internos responsáveis pelo destravamento das portas, inclusive do porta malas (tampa do bagageiro). O objetivo da mudança é coibir a ação delituosa de ladrões de estepe, que se aproveitavam da vulnerabilidade apresentada pelos modelos antigos.

O alto índice de furto de estepe já começava a comprometer o valor do seguro do veículo, que naturalmente apresenta elevação nos preços. Com a inovação, a promessa é que o valor do seguro fique mais barato.

Por André César


Versões irão custar entre R$ 110 mil e R$ 120 mil e serão lançadas em novembro no Brasil.

A Citroën informou durante a última sessão do evento Salão de Frankfurt, no dia 16 de setembro de 2015, que novas versões do C4 Picasso chegam no próximo mês de novembro no Brasil com um preço com acréscimo de 20% em relação às versões anteriores, que vai de R$ 110 mil até R$ 120 mil.

As versões que serão importadas da cidade de Vigo, que fica na Espanha, referem-se ao C4 Picasso com capacidade para 5 pessoas e também ao Grand C4 Picasso que comporta exatamente 7 pessoas e elas estão vindo ao Brasil, pois para a empresa esse é um dos mercados mais promissores quando se trata dessas minivans familiares. No passado foram registradas histórias de sucesso com relação às vendas de SUVs e fora que o nosso país também consome demais modelos de empresas rivais como, por exemplo, outros tipos de minivans e também peruas.

Agora o que tem de extraordinário nessa linha?

Ela foi reformulada e com isso temos ainda a inauguração da plataforma EMP2, pertencente do grupo PSA no Brasil, que segue uma linha de porte global e modular, que já nos próximos meses vai ser colocada em prática no mercado europeu diretamente no modelo Peugeot 308 e depois esse mesmo veículo vai também ser importado para o território brasileiro.

Agora com relação a essa linha do C4 Picasso, ela apresenta as seguintes características:

  • Uma base modular;
  • Monovolumes que estão mais leves, ou seja, com um peso de até 140 kg a menos dos modelos anteriores;
  • Motorização que chega a 165 cv (THP) em um 1.6 turbo, no lugar da versão anterior que chegou no mercado com 2.0 a gasolina e ainda com 143 cv;
  • Câmbio automático que registra agora 6 marchas;
  • Direção e também os freios elétricos que serão acionados por botões;
  • Dupla de telas do tipo táteis multifuncionais que podem ser de 7 ou senão 12 polegadas;
  • Abertura automática para a tampa que fica no porta-malas;
  • Conjunto óptico que é formado justamente por LEDs;
  • Lanternas que apresentam uma iluminação 3D, que também é de LED.

Esses elementos expostos mostram que esses veículos vêm para o mercado brasileiro proporcionando para o público mais segurança, conforto e também firmeza para rodar pelas nossas ruas e estradas.

Por Fernanda de Godoi

Novo Citroen C4 Picasso

Novo Citroen C4 Picasso

Fotos: Divulgação


Novo modelo DS4 da Citroen ganhou novas características off-road e será lançado no Salão de Frankfurt.

A nova tendência que virou febre no meio automobilístico, os SUVs, chegou também à linha DS, divisão de luxo da Citroën. A montadora revelou uma nova versão com uma pegada off-road do modelo DS4. O modelo receberá o sobrenome de “Crossback”, e será oficialmente apresentado ao público durante o próximo Salão de Frankfurt, que acontecerá no mês de setembro. As vendas do novo modelo começarão em novembro, no Reino Unido.

Apesar de chegar com um visual mais próximo dos carros com pegada mais aventureira, o novo modelo vai seguir a linha mais luxuosa da Citroën. Prova disso é que a campanha publicitária do modelo foca mais na tecnologia utilizada no carro do que em seu desempenho em terrenos acidentados, por exemplo. O novo SUV será comercializado juntamente com a versão hatch, também reestilizada recentemente. A versão anterior do modelo é atualmente vendida no Brasil com preço a partir de R$ 100.900.

Dentre as mudanças do novo SUV está a altura: o modelo ficou 3 centímetros mais alto que o modelo hatch e também tem diâmetro maior de aro, ainda não divulgado pela montadora. Fora isso, as mudanças são somente nos para-lamas que agora são pretos e no rack de teto. Na mecânica não há diferenciais. O DS4 Crossback promete agradar a quem deseja um carro mais alto, mas sem tanta robustez.

O interior do carro tem o luxo como prioridade. Com revestimento de couro e volante com comandos especiais do sistema de som. Uma das inovações tecnológicas é a partida, que é feita sem chave, apenas por um botão atrás do câmbio.

A tela multimídia do modelo, sensível ao toque, fez com que o modelo eliminasse cerca de 12 botões no painel central. O modelo tem também uma inovação inédita: a tecnologia Play Car, desenvolvido pela empresa Apple e que facilita a conexão de iPhones com o carro, a fim de deixa-lo mais seguro e de uso mais fácil para o motorista.

Sensores que monitoram o ponto cego, câmera de ré e teto panorâmico são outras atrações do modelo.

Quanto ao motor, o DS4 contará com até seis diferentes escolhas de motorização. Três deles movidos a gasolina e outros três a diesel estes últimos possivelmente não chegarão ao mercado nacional. Dentre os modelos a gasolina destaca-se o 1.2 turbo que possui injeção direta e um propulsor três cilindros que vem com a promessa de diminuir a emissão de poluentes e reduzir o consumo de combustível em até 21%. O câmbio é manual e tem seis velocidades.

Estas e outras inovações prometem agitar o mercado de SUVs ainda este ano. Luxo e potência andando lado a lado é a aposta da Citroën. Será que os desenvolvedores acertarão?

Por Patrícia Generoso

Citroen DS4 Crossback

Citroen DS4 Crossback

Fotos: Divulgação


Foi lançada na noite desta quarta-feira, 15, o novo modelo da linha 2015 do DS3 da Citroën, que ganhou agora novos faróis bi-xenon full LED e lanternas com disposições novas de luzes.

O DS3 agora é vendido em três versões, não mais em versão única, além disso, traz uma completa e ampla lista de equipamentos de série, que inclui rodas de liga leve aro 17, faróis de neblina, ar-condicionado digital, iluminação diurna por LEDs, Bluetooth, rádio CD Player com entrada USB, freios ABS, controle de estabilidade (ESP), monitoramento de pressão dos pneus e sistema de frenagem de emergência, que tem a capacidade de parar completamente o veículo se o motorista estiver a até 30 km/h.

Foto: divulgação

A configuração de entrada sai por R$ 79.900, a mais cara conta com os equipamentos do Pack Confort mais o Pack Technologie, faróis com LED bi-xenon, rodas de liga leve aro 17 com acabamento diamantado, câmera de ré e inclui, ainda, som de alta qualidade com subwoofer.

O preço que é sugerido é R$ 89.900, podendo chegar a R$ 92.800 se o comprador optar por um acabamento interno revestido em couro.

Por R$ 85.890, a opção intermediária agrega ao conteúdo da básica espelhos retrovisores rebatíveis com acabamento cromado, o Pack Confort, equipado por sensor de estacionamento traseiro, acendimento automático dos faróis, sensor de chuva, central multimídia com tela sensível ao toque de sete polegadas, GPS e retrovisor interno fotocrômico.

Foto: divulgação

Nenhuma mudança foi realizada no motor 1.6 THP, que entrega 165 cv a 6.000 rpm e torque máximo de 24,5 mkgf a 1.400 rpm, subindo para 26,5 mkgf de forma temporária, se a função Overboost for acionada.

Uma vez que o Brasil é o terceiro maior mercado para a linha premium da Citroën, atrás da China e da Europa, a DS quer passar outra imagem para os consumidores para reforçar ainda mais sua presença.

Sem dúvida, este novo modelo da empresa terá destaque no estande da Citroën no Salão do Automóvel de São Paulo, que contará neste ano com um espaço exclusivo para os veículos DS. A fabricante já emplacou mais de 3,8 mil unidades e tem como meta dobrar a linha em três ou quatro anos com a chegada dos novos modelos.

Por Sinara Luiza Medeiros Dias


A Citroën acaba de apresentar a sua mais nova aposta na categoria de sedãs. Trata-se do C4 Lounge, substituto do C4 Pallas. O carro será disponibilizado para vendas ainda neste mês.  Vale acrescentar que a apresentação do carro aconteceu no último dia 13, em Buenos Aires.

O carro será disponibilizado em 5 versões diferentes. O modelo Top de Linha vem equipado com motor THP 1.6 Turbo e há também o modelo com propulsor2.0. Há também opções com câmbio Manual ou Automático, sendo que os preços partem de R$59.990 (Origine) podendo chegar a  R$ 77.990 (Exclusive THP). Cumpre salientar que a parte mecânica foi elaborada em parceria com a montadora BMW.

O carro chega a fim de concorrer com os conceituados Toyota Corolla, Honda Civic e Chevrolet Cruz. Os postos diferenciais apontados pela Citroën são os seguintes: conforto interno, acabamento interno primoroso e bom gosto no design. Além disso, o painel é emborrachado, o porta malas tem capacidade de 450 litros e visual do carro é imponente e arrojado.

Como se não bastasse, o C4 Lounge vem equipado com câmbio automático com 6 velocidades, central multimídia, 6 Airbags, luzes de LED, teto solar eletrônico, dentre outros atributos.

Por Larissa Mendes de Oliveira Soares

Citroën C4 Lounge


Com previsão de lançamento no Brasil ainda este semestre, o novo C4 sedã irá substituir o modelo C4 Pallas.

Fabricado na Argentina em parceria com a BMW, o novo C4 é baseado na versão asiática, mas terá algumas modificações para o mercado brasileiro. Dentre elas estão mudanças visuais, que ocorrem principalmente na parte da frente, que receberá uma nova grade e um para-choque reformulado. A parte traseira será igual ao modelo chinês, que apresentará curvas mais leves e sofisticadas.

O veículo terá 4,43m de comprimento, 1,70m de largura e 1,47m de altura. A distância entre-eixos será de 2,65m.

Pronto para brigar com modelos como o Vectra (da General Motors), o C4 sedã terá uma tarefa bem dura pela frente, mas as mudanças podem tornar o modelo competitivo em relação aos seus concorrentes.

O modelo top de linha ainda virá equipado com turbo, injeção direta, câmbio automático de seis marchas, mostradores digitais e porta-malas com capacidade para 440 litros.

O preço desta máquina ainda não foi divulgado.

Confira mais informações no site www.c4.citroen.com.br.

Por Robson Quirino de Moraes


O mercado de veículos da Austrália ganhou mais uma opção. Chegou ao país o modelo Citroën DS5, que terá seu valor sugerido começando em US$ 47.990, o que seria aproximadamente R$ 100.000. Por estar ainda em processo inicial de vendas na Austrália, o DS5 começa a ser comercializado somente na versão DSport, que apresenta motorização 1.6 THP, 155 cv com sistema de transmissão automática de 6 marchas.

O veículo tem a capacidade de ir de 0 a 100 quilômetros em 9,3 segundos, 0atingindo sua maior velocidade em 202 quilômetros por hora. Fora isso, o automóvel apresenta um consumo médio de 13,7 km/L. Entre todas as versões da série, o DS5  DSport tem rodas aro 18 Canaveral, frisos cromados, sistema de sensor para estacionamento (traseiro e dianteiro), teto solar, faróis LEDs e xenon, além de defletor de ar traseiro. Além destes itens, outros equipamentos de destaque são: controle de cruzeiro, ar condicionado dual zone, 6 alto-falantes, retrovisores apresentando rebatimento elétrico, navegador, entre outros.

O acabamento do veículo é em couro a apresenta opções em dois tons, custando R$ 5.250. Já a pintura branca perolizada sai pelo valor de R$ 2.100.

Por Marcelo Araújo


A nova geração do Citroën C3 chega às lojas do Brasil nesse mês de Agosto com novidades, novas versões e com um novo visual.

Segundo as primeiras fotos divulgadas, o compacto contará com mudanças no para-choque dianteiro, além de um novo design na grade do radiador e os faróis, com o formato bumerangue. Ainda falando sobre o visual externo do carro, o novo C3 estará estreando novas rodas de liga leve de 16 polegadas, que estão com um visual mais sedutor e arrojado.

O novo Citroën C3 foi produzido e será fabricado integralmente no Brasil, no estado do Rio de Janeiro. Segundo a montadora, o interior do veículo também vem recheado de mudanças, como o painel e outros itens, que foram totalmente modificados. Destaque para as aplicações cromadas no volante e nas saídas de ar.

Sob o capô, o compacto traz novidades também na nova geração de motores, que vêm com um melhor aproveitamento de combustível. Serão duas versões, sendo uma 1.5 Flex, com 93cv de potência, e uma versão 1.6 16V Flex, chegando 122cv de potência, contando com a tecnologia Flex Smart. O câmbio também terá duas opções, sendo manual, com cinco marchas, ou automático.

Em três novas versões: Origine, Tendance e Exclusive, o novo C3 será vendido em sete opções de cores e estará nas lojas a partir deste mês.

Por Helena Cortez
 


Mais um modelo foi apresentado pela Citroën. O Aircross teve suas especificações divulgadas na segunda-feira (2) e agora vem com mais potência e melhorias na motorização.

Agora, o Aircross tem um motor 1.6 flex, que ainda conta com o sistema Flex Start, que dispensa a necessidade do tanque reservatório para a gasolina. O veículo tem potência de 122 cavalos, torque máximo de 16,4 kgfm e 4.000 rpm. Estas configurações são baseadas na utilização do álcool como combustível.

Outras características do Aircross são os itens de série para as versões do automóvel. Já no modelo de entrada, o veículo conta com freios ABS com EBD, airbag duplo, retrovisores externos com regulagem elétrica, ar-condicionado, bússola, computador de bordo, inclinômetro, faróis de neblina, vidros elétricos, banco do motorista com regulagem de altura, volante também com regulagem, entrada para iPod e sistema de áudio com CD/MP3 e rádio.

A Citroën já definiu os preços do Aircross. Na versão de entrada, o modelo custará R$53.900,00. Este modelo tem câmbio manual. A versão básica com câmbio automático custará R$57.600,00. Já o modelo top de linha com câmbio manual terá valor de R$60.500,00, enquanto que o modelo com câmbio automático terá valor de R$64.200,00.

Por Matheus Camargo


A Citroën decidiu investir no C5 e criou um novo design para o carro. Lançado em 2008, o modelo sofreu alguns pequenos retoques, mas manteve o estilo original. Além disso, a versão europeia com motor 1.6 HDI, que funciona a diesel, recebeu um ganho de potência por parte da fabricante.

O modelo 2012 do C5 agora possui uma nova opção de cor, conhecida por Brown Guaranja. O automóvel também possui rodas com aro 17 polegadas, acabamento interno em couro e tapeçaria têxtil, sistema de conectividade com USB, Bluetooth e Aux e novo recurso de navegação eMyWay.

O motor é o mesmo, 1.6 HDI, mas com potência de 115 cavalos, 5 cv a mais do que a versão anterior. Para acompanhar, o preço de venda do automóvel ficou 250 euros mais caro. Já a versão Tourer poderá conter uma câmera auxiliar, cujas imagens serão mostradas no LCD de sete polegadas presente no painel.

Anteriormente, já tinha sido anunciado que a linha 2012 do C5 teria o motor 1.6 turbo a gasolina. O câmbio é de seis velocidades e automático, com consumo de 14,08 km/l em ciclo combinado.

Por Matheus Camargo


A Citroën está trazendo de volta a série especial e limitada Solaris, disponível na linha 2012 dos modelos C3 e C4 Hatch, assim como havia feito em 2011. Ambas as versões têm como diferencial o teto solar, instalado de fábrica, assim como uma série de itens, para garantir o conforto e a segurança do motorista e dos passageiros.

No caso do C3 Solaris, a versão é baseada no modelo 1.6 Exclusive, com motor flex 16V e câmbio automático, que conta com rodas de liga leve diamantadas, de 15 polegadas; faróis Crystal Black; sensor de chuva; ar condicionado digital; duplo airbag; trio elétrico; acendimento automático para os faróis; direção elétrica; freios ABS; rádio com CD, Bluetooth, MP3 e entrada USB; e bancos de couro. O preço sugerido é de R$ 48.490.

Já o C4 Hatch Solaris é oferecido na versão Exclusive Sport, equipada com motor bicombustível de 2.0 litros e 16 válvulas, gerenciado pela transmissão automática sequencial. O bloco rende 151 cv de potência, quando abastecido com álcool, e 143 cv, se utilizada a gasolina.

Além do teto solar, o modelo traz de série 6 airbags, controle de tração e estabilidade, ar condicionado digital e de duas zonas, volante multifuncional, direção elétrica, computador de bordo, rádio completo e 6 alto-falantes, trio elétrico e rodas de liga leve aro 16. A montadora francesa sugere o preço de R$ 69.090 para a versão.

Por André Gonçalves


O número de concessionárias espalhadas pelo país cresce vigorosamente a cada ano. Em 2010, as chinesas Chery e Lifan inauguraram unidades em vários estados e a JAC Motors, outra recém-chegada, já disponibiliza aos brasileiros uma loja inaugurada há poucos dias, próxima ao CEAGESP de São Paulo.

O grupo SHC, que conta com concessionárias da fabricante Citroën, acaba de anunciar seu mais novo ponto na capital paulista, mais precisamente na Avenida Bandeirantes (Itaim Bibi), um dos locais mais movimentados da cidade por estar próximo de grandes empresas e do aeroporto de Congonhas, além de se situar no caminho para o Porto de Santos.

A expectativa de vendas na nova Francecar é alta. De acordo com Domingos Boragina Neto, diretor-comercial da Citroën do Brasil, os números devem chegar a 100 veículos novos e outros 40 seminovos por mês, a serem completados pela disponibilidade de serviços e peças aos clientes da fabricante.

A inserção de uma nova unidade deve complementar os índices positivos da Citroën em terras brasileiras entre janeiro e fevereiro deste ano, pois as vendas subiram mais de 57% em comparação ao primeiro bimestre de 2010, para 14.524 unidades.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Citroën


Com números excepcionais em 2010, o segmento de veículos automotores no Brasil, tem acarretado avanço nas vendas das montadoras por aqui instaladas, além do ingresso e comercialização mais amplos de automóveis provenientes do exterior. Os investimentos das fabricantes estrangeiras devem ser ainda mais extensos nos próximos anos, uma vez que o mercado interno tem correspondido bem às expectativas.

Um dos mais recentes casos passíveis de exemplo é o grupo Citroën Le Man, que deve investir R$ 13 milhões para a abertura de duas concessionárias na cidade de São Paulo, uma localizada no Bairro do Limão, zona norte, e outra na Vila Prudente, zona leste. Com isso, 80 oportunidades de emprego devem ser geradas. A iniciativa deve incidir na comercialização de aproximadamente 3.840 unidades por ano, entre novos e seminovos.

Segundo Domingos Boragina, diretor-comercial da Citroën do Brasil, além de 200 carros novos e outros 120 seminovos mensais, o grupo quer mais dois pontos de atendimento completos em serviços, peças e vendas. Para Rodrigo Stefanini, diretor do Grupo Citroën Le Man, a comercialização de quase 9,4 mil unidades em 2010 foi recorde e para 2011 a previsão de crescimento é de 33%, para 12,5 mil unidades.

O Aircross, novo no mercado brasileiro, contribuiu amplamente para o sucesso de vendas da marca em 2010 no país. O C3, já tradicional por aqui, continua a apresentar bons resultados.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Citroën (release)


Com motor 2.0 e 16 válvulas Flex, o desempenho desse grande carro chega à uma potência de 143 CV com gasolina e 151 CV com álcool, a 6000 rpm. Tem câmbio mecânico de 5 marchas, direção eletro-hidráulica progressiva – muito mais conforto e prazer ao dirigir.

No parâmetro segurança, o C4 conta com dois air bags frontais, freios ABS com repartidor eletrônico de frenagem (REF) mais auxílio a frenagem de urgência (AFU), além de  faróis de neblina dianteiros opcionais e limitador/regulador de velocidade, entre outros.

No parâmetro conforto, o novo C4 vem com apoio de braço central dianteiro e traseiro, ar condicionado, chave com comando de abertura das portas e comando a distância, rádio com CD player MP3 com comando no volante, sistema de som com seis alto-falantes e volante com comandos centrais fixos com regulagem de altura e profundidade.

Na aparência, o novo C4 conta com para-choques e retrovisores na cor do veículo, rodas de liga leve aro 16’’, além do design avançado e moderno. A tecnologia embarcada conta com computador de bordo, que auxilia no controle e amplia ao máximo o prazer e a segurança em dirigir.

Todas as informações e fotos você vê aqui. Experimente este grande carro.

Por Gerson de Morais


Com o intuito de produzir 2.5 mil unidades por mês a partir de outubro, as instalações da PSA Peugeot Citroën, em Porto Real, no Rio de Janeiro, começam a fabricar a versão aventureira do C3 Picasso: O Citroën Aircross. O modelo deve ser apresentado em alguns dias , porém deve ser comercializado somente em setembro juntamente com o Ford EcoSport, Volkswagem CrossFox e o Fiat Idea Adventure.

O motor do Aircross será 1.6 16 válvulas Flex, chegando até 113 cv de potência. As vendas hoje da marca Citroen giram em torno de 2,5% do mercado nacional. O intuito com o novo modelo é alcançar a marca de 3,5%, com uma expectativa mensal de vendas de 2.500 unidades.

Para a promoção deste Citroen aventureiro, a marca francesa irá fazer uma expedição com o Aircross entre os dias 9 de novembro e 10 de dezembro. Esta jornada passará por 23 cidades do território brasileiro.

Por Oscar Ariel


Durante os seis primeiros meses desse ano de 2010, a fábrica que bateu recorde de venda de automóveis no Brasil foi a PSA Peugeot Citroen, uma montadora francesa. Em números, foi um total exato de 76.525 carros tipo passeio e também comerciais leves, todos marcas Peugeot e Citroen.

Com essa avaliação, a empresa pode concluir que foi a quinta maior montadora instalada no Brasil e a primeira que em termos de venda se comparada com as outras montadores que também contruíram suas fabricas na década de 90 no país.

Localizada em Porto Real, Rio de Janeiro, a PSA Peugeot Citroen produz vários modelos Peugeot, como 207, 207 SW, 207 Passion e Hoggar e também o Citroen C3 e o Xsara Picasso.

Por Rafaela Ometto





CONTINUE NAVEGANDO: