Modelo chega ao Brasil em nova plataforma e com motor 1.4 turbo.

A Chevrolet lançou recentemente uma de suas grandes apostas para 2016. Trata-se do novo Chevrolet Cruze 2017, que chega bastante forte ao mercado brasileiro. O automóvel passou a ser fabricado na Argentina e conta com nova plataforma e motor 1.4 turbo. A nova geração do Cruze está disponível no Brasil em três versões: LT, LTZ e LTZ 2. Todas as opções são de câmbio automático de seis marchas e seu preço inicial é de R$ 89.990, sendo que a versão mais cara custa R$ 107.450.

Como já destacado, o novo Cruze 2017 vem acompanhado do motor Ecotec 1.4 com turbo e injeção direta. Dessa forma, substituindo o 1.8 16V aspirado, que fazia parte da última geração. Além disso, saiba que o novo motor é associado ao sistema start-stop, que tem como principal finalidade a redução no consumo de combustível. Com o novo motor, o Cruze passa a render 153 cv e 150 cv, quando roda com etanol ou gasolina, respectivamente. O principal destaque fica por conta do torque, haja vista os 24,5 kgfm a 2.000 rpm. O câmbio automático de seis marchas também merece destaque, pois é de terceira geração, mais rápido e possui uma suavidade admirável.

Todas essas novidades e mudanças na parte mecânica do Cruze 2017 trouxeram melhoras quando o assunto é o desempenho, bem como o consumo. Segundo a GM, o Cruze turboflex é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 8,5 segundos. Além disso, o mesmo obteve nota A no quesito de eficiência energética em teste realizado pelo Inmetro.

A nova geração do sedã também teve um aumento em seu tamanho. O Cruze 2017 possui 4,66 metros de comprimento por 1,81 metro de largura, além de 1,48 de altura. Essas novas medidas proporcionaram um aumento no espaço interno. O porta-malas, em contrapartida, ficou menor.

O lançamento da Chevrolet também não deixa a desejar quando o assunto é seu design. O automóvel trás um design mais arrojado e bastante esportivo. Um dos grandes exemplos disso são os faróis rasgados para as laterais, além da caída do teto no estilo cupê. Se comparado com a versão norte-americana, o modelo argentino possui poucas mudanças no visual, como por exemplo, as rodas com acabamento escurecido.

Por Bruno Henrique


Na última quarta-feira, dia 16, a Chevrolet decidiu oficializar o lançamento de sua linha Cruze 2015 para o mercado nacional. Logo de cara (e o que é mais fácil perceber) a estreia traz algumas mudanças visuais. A previsão é de que chegue às concessionárias no mês de dezembro, entretanto, os preços não serão nenhuma novidade, continuarão com estavam.

De qualquer forma, ao darmos uma olhada na tabela de preços sugeridos para dezembro vemos que o modelo acabou ganhando um acréscimo de R$ 400. Isso leva o sedan para a faixa dos R$ 73.500 e o hatch para R$ 70.000.

Já de acordo com informações divulgadas pela montadora os valores apontados já são válidos inclusive para o modelo de 2014. Mas, o bom é que pode ser achado em alguma loja com descontos.

No mês de outubro, durante a realização do Salão de Automóveis de São Paulo, a empresa já tinha antecipado algumas coisas como, por exemplo, o novo conjunto dos faróis de neblina com luzes de rodagem além da grade frontal que foi redesenhada.

Essas mudanças, mesmo que pequenas, são válidas para os dois tipos de carrocerias que estão sendo disponibilizadas.

A fabricante informa também que o motor da nova linha, um bloco 1.8 litro continua sendo o mesmo. A potência total é de 144 cavalos. Entretanto, devido a uma “mãozinha” que agregou uma nova calibragem ele acabou ficando mais econômico. Os números que dizem respeito ao gasto de combustível das versões ainda é uma segredo.

Como itens de segurança o carro apresenta dentre outros os seguintes: trava interna antissequestro, sistema isofix para a fixação de cadeirinhas infantis, cinto de segurança de três pontos em todos os assentos, airbags frontais e laterais e controles eletrônicos de tração e estabilidade (ESP).

De acordo com alguns números divulgados pela GM o Cruze 2015 é até 1,2 segundo mais rápido do que seu antecessor. Desta vez de 0 a 100km foi em 10,2 segundos (com etanol no tanque).

Por Denisson Soares

Chevrolet Cruze 2015

Chevrolet Cruze 2015

Fotos: Divulgação


A GM já começou a testar seu novo hatcback de porte médio que foi baseado no modelo mostrado no salão de Nova York, o Chevrolet Cruze Sport6 2015. 

O modelo foi visto em testes na rodovia Fernão Dias em Minas Gerais. A aparência demonstra inovações no veículo como a grade que foi reformada, além dos novos LEDs diurnos e faróis auxiliares que tornam o modelo brasileiro um pouco diferente do estadunidense.

Dentro do novo veículo existe um sistema capaz de parear até 7 aparelhos via Bluetooth, o qual também aceita comandos de voz. O carro possui uma conexão de 4G LTE da OnSatr que o torna uma espécie “hostpot WI-FI” móvel com uma tela de sete polegadas sensível a toques e portas USB adicionais. 

O layout do interior do veículo sofreu poucas alterações, tornando-se quase idêntico ao antigo, houve um acréscimo de porta-copos, nova disposição dos botões no console e o dispositivo responsável por travar e destravar as portas agora está localizado na porta do motorista. Conta também com uma atualização do sistema Mylink que dá avisos de mensagens de texto ao condutor ainda fornece uma leitura destas.

Ao abrir o capô encontramos um motor 1.8 Ecotec SIDI equipado com injeção direta de combustível flex, que fornece maior potência ao carro e diminui o esforço do motor ao empurrar o Cruze. Os motores que abastecem o modelo americano podem ser a diesel com potência de 2.0 ou a gasolina com potência de 1.4 turbo. O motor 1.8 Ecotec está inserido como o modelo mais simples e barato estadunidense.

A fabricação do Cruze por enquanto está sendo feita no Brasil em São Caetano do Sul, São Paulo, mas há informações de que a GM está em negociação com a Argentina a transferência de sua linha de produção para Rosário, cidade argentina, desta forma o veículo seria importado para o Brasil.

Chevrolet Cruze Ssport6 2015

Chevrolet Cruze Sport6 2015

Fotos: Divulgação


Para quem gosta de muita velocidade associada à estabilidade, sem dúvidas o Chevrolet Cruze 2014 é uma ótima opção para quem pretende trocar ou comprar o seu primeiro carro. Entre os mais queridos carros nacionais, o sucesso em vendas desse modelo da Chevrolet fez com que a montadora desse uma boa repaginada no carro, dando mais beleza ao seu design e mais potência ao seu motor.

Nas versões sedan e hatch, o público que aprecia um carro com conforto e requinte terá em 2014 uma edição de carro com motor 1.8 de quatro cilindros, com opção de transmissão automática ou manual, que rendendo 144 cavalos de potência. Tudo envolvido em uma tecnologia que torna o Cruze uma ótima opção para quem gosta de velocidade com estabilidade.

A grande novidade do Chevrolet Cruze para esse ano está no sistema de multimídia MyLink, uma ferramenta que reconhece o proprietário do carro pela voz, permitindo que ele utilize em seu carro itens como emissoras de rádio, seleção de música para ser ouvida e acesso aos comandos do sistema de navegação. Além dessa novidade, o dono de um Cruze 2014 também terá controle automático de ar condicionado e possibilidade de travar e destravar as portas sem precisa estar com a chave em mãos.

Todos esses avanços ainda oferecerão comodidades mais comuns em um carro de luxo, como freios ABS, direção hidráulica e bancos de couro (até mesmo o volante será revestido por esse material), o que passa mais conforto para quem gosta de dirigir em longas viagens, além de conferir mais beleza e requinte ao carro.

Essas novidades tendem a colocar o Chevrolet Cruze 2014 ainda mais no topo de vendas em todo o Brasil, já que suas mudanças foram tão significativas para conquistar ainda mais o mercado nesse ano.

O seu preço do veículo é de aproximadamente R$ 66.000,00, a depender da quantidade de opcionais.

Por Michelle de Oliveira


Entre 15.375 libras esterlinas e 19.785 libras esterlinas. Este é o preço da Cruze Station Wagon no Reino Unido. O carro, fabricado pela Chevrolet na Coreia do Sul, tem três tipos diferentes de motor e cinco modelos de opção para os usuários.

Em reais, o valor é equivalente a R$ 49.889 e R$ 64.198. Por este preço, os ingleses poderão comprar o veículo, que tem as versões 1.6 LS, 1.7 VCDi LTZ NAV, 1.7 VCDi LT, 1.8 LT Auto e 1.6 LT. O 1.6 LS é o modelo de entrada e traz alguns itens de série, como ar condicionado, vidros dianteiros elétricos, retrovisores com ajuste elétrico, rack de teto, controle de tração e estabilidade, ganchos para amarrar a carga no porta-malas, etc.

Mais luxuosas, as versões LT possuem alavanca do câmbio e o volante fabricados em couro, faróis de neblina, sensor de estacionamento traseiro, vidros elétricos na traseira, piloto automático e rodas de liga leve com 16 polegadas. A Cruze Station Wagon top de linha, a 1.7 VCDi LTZ NAV ainda oferece uma tela de LCD de sete polegadas no painel, câmara de ré, Bluetooth, rodas de 17 polegadas e ar condicionado automático.

Por Matheus Camargo


Sem muitas informações a seu respeito, além da capacidade de seu porta-malas, que segundo a Chevrolet será de cerca de 400 litros, a montadora confirmou que o Hatchback Cruze, em sua versão final de produção, será oficialmente apresentado em Março no Salão do Automóvel de Genebra.

Com design esportivo de linhas fluentes que compõem uma frente agradável e moderna composta também pelos faróis que complementam o desenho esportivo e urbano e com uma traseira equilibrada e discretamente arredondada o novo Hatch Cruze, modelo com cinco portas, promete fazer sucesso. No Brasil deverá chegar em 2012 também na versão sedã e provavelmente substituirá o Astra no mercado nacional. Conforme sites especializados, o Cruze no mercado brasileiro talvez sofra algumas modificações para tornar o modelo mais competitivo economicamente.

Já para a Europa o novo Hatch deverá ter suas venda iniciadas a partir do meio deste ano e assim como as informações técnicas o seu preço também ainda não foi revelado.

Foto: Auto Moto Portal

Por Mauro Câmara


O Chevrolet Cruze 2011 estará disponível em quatro versões, a Cruze LS, A Cruze LT, a Cruze Eco e a Cruze LTZ. A Cruze LS tem motor 1.8 turbo de 136 cavalos de potência  e transmissão de seis velocidades manual, e vem equipada com airbags, StabiliTrak ESC e freios ABS.

A Cruze LT tem motor 1.4 turbo com câmbio de seis marchas automático e rodas de 16 polegadas. A Cruze Eco tem motor 1.4 turbo com câmbio manual de seis marchas e pretende ser a líder em economia de combustível do modelo, e será equipada com rodas de liga leve de 17 polegadas com pneus de baixa resistência ao rolamento.

A topo de linha, a Cruze LTZ tem motor 1.4 turbo com transmissão automática de seis velocidades e aros de 18 polegadas. Os modelos terão assentos de couro, acabamento Cruise control, Bluetooth, USB, controle automático de clima, volante com controles de som, e sensor de estacionamento traseiro.

Por Gerson de Morais





CONTINUE NAVEGANDO: