Mais um modelo foi apresentado pela Citroën. O Aircross teve suas especificações divulgadas na segunda-feira (2) e agora vem com mais potência e melhorias na motorização.

Agora, o Aircross tem um motor 1.6 flex, que ainda conta com o sistema Flex Start, que dispensa a necessidade do tanque reservatório para a gasolina. O veículo tem potência de 122 cavalos, torque máximo de 16,4 kgfm e 4.000 rpm. Estas configurações são baseadas na utilização do álcool como combustível.

Outras características do Aircross são os itens de série para as versões do automóvel. Já no modelo de entrada, o veículo conta com freios ABS com EBD, airbag duplo, retrovisores externos com regulagem elétrica, ar-condicionado, bússola, computador de bordo, inclinômetro, faróis de neblina, vidros elétricos, banco do motorista com regulagem de altura, volante também com regulagem, entrada para iPod e sistema de áudio com CD/MP3 e rádio.

A Citroën já definiu os preços do Aircross. Na versão de entrada, o modelo custará R$53.900,00. Este modelo tem câmbio manual. A versão básica com câmbio automático custará R$57.600,00. Já o modelo top de linha com câmbio manual terá valor de R$60.500,00, enquanto que o modelo com câmbio automático terá valor de R$64.200,00.

Por Matheus Camargo


Com o intuito de produzir 2.5 mil unidades por mês a partir de outubro, as instalações da PSA Peugeot Citroën, em Porto Real, no Rio de Janeiro, começam a fabricar a versão aventureira do C3 Picasso: O Citroën Aircross. O modelo deve ser apresentado em alguns dias , porém deve ser comercializado somente em setembro juntamente com o Ford EcoSport, Volkswagem CrossFox e o Fiat Idea Adventure.

O motor do Aircross será 1.6 16 válvulas Flex, chegando até 113 cv de potência. As vendas hoje da marca Citroen giram em torno de 2,5% do mercado nacional. O intuito com o novo modelo é alcançar a marca de 3,5%, com uma expectativa mensal de vendas de 2.500 unidades.

Para a promoção deste Citroen aventureiro, a marca francesa irá fazer uma expedição com o Aircross entre os dias 9 de novembro e 10 de dezembro. Esta jornada passará por 23 cidades do território brasileiro.

Por Oscar Ariel





CONTINUE NAVEGANDO: