ZhIdou EEC L7 e-80 está sendo exposto em Fortaleza (CE)



  

Modelo elétrico chama a atenção por seu tamanho e por poder ser testado no estacionamento do shopping onde está exposto.

Inicialmente, o automóvel elétrico está sendo exposto em um shopping de Fortaleza, chamado de ZhIdou EEC L7 e-80, ele atrai a atenção das pessoas que passam pelo local pelo seu tamanho e pela possibilidade de realizar testes no mesmo. Após um rápido cadastro a pessoa pode pilotar o carro pelo estacionamento do shopping.

De acordo com o público que teve a chance de andar no minicarro elétrico, ele foi considerado um veículo bastante prático e perfeito para se locomover pela grande cidade, tornando fácil a localização de vagas e sendo útil principalmente para quem vai para o trabalho. O veículo faz parte do sistema de carros elétricos compartilhados que está em implantação na cidade.

O edital referente a este projeto já havia sido lançado desde janeiro, exigindo da empresa responsável que se implantasse no sistema apenas a utilização de carros elétricos. Além do Zidhou, a empresa também está usando o BYD e6, mais espaçoso e com capacidade de levar 5 pessoas. Os dois são importados da China e operam com placas verdes de teste, pelo fato de não serem ainda homologados no Brasil.

O engenheiro da prefeitura de Fortaleza, Sued Lacerda, que é o responsável pelo projeto explica que a fase de testes serve para demonstrar a população o projeto e para a inserção e familiarização progressiva do mesmo em relação aos modelos e a forma de funcionamento do sistema.





Boa parte da população já vê o projeto como algo bastante positivo e se mostra curiosa e interessada para acompanhar o desenrolar do projeto e adquirir mais informações no estande de exposição. O projeto já conta com 200 cadastros e com usuários satisfeitos que chamam a atenção para os maiores diferenciais do carro, que são o silêncio e a automaticidade do veículo.

Em agosto, começa segunda fase do serviço, chamada de operação assistida e que consiste na instalação de cinco estações e na disponibilização de sete carros. Visando ampliar a extensão do projeto e o suporte dado aos usuários, e que irão operar de forma completa somente em 1° de setembro com o total de 12 estações e 15 veículos Zhidou e cinco BYD.

Na prática após realizar o cadastro, o usuário através de um aplicativo destravará as portas do carro, que começará a funcionar após acionar um botão na lateral do volante. A taxa de adesão ao sistema será em torno de R$ 40,00 que serão convertidos em crédito e cobrados mensalmente.

Por Denisson Soares

ZhIdou EEC L7 e-80



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *