Renault Kadjar RS poderá ser lançado em breve



  

Modelo deve ser mais potente do que sua versão mais básica.

Apesar de não ter muita tradição em veículos crossover, a Renault planeja investir cada vez mais nesse tipo de carro. Pelo menos é o que tudo indica, de acordo com rumores da imprensa internacional especializada em automóveis, que diz que a montadora francesa tem planos de já lançar uma nova versão de seu crossover lançado recentemente, o Kadjar, com uma versão RS.

Mesmo sem ainda nem ter iniciado a distribuição do próprio Kadjar, as especulações sobre essa versão RS são fortes, e pelo que a imprensa internacional diz, alguns designers de automóveis já até criaram possíveis versões do que pode vir por aí, como é o caso de X-TOMI. O veículo deve ser lançado pela divisão Renaultsport e será a versão top de linha do modelo.

Informações divulgadas extraoficialmente dão conta de que o Kadjar RS deve ser mais potente do que sua versão mais básica, contando com um bloco de 1.8 litro biturbo movido a gasolina, fazendo com que esse motor gere uma potência de 266 cavalos.

Essa versão mais parruda do Kadjar deve ainda contar com outros itens importantes e interessantes para esse tipo de veículo, como freios maiores, uma suspensão mais firme e um kit visual que deixará o crossover ainda mais esportivo e agressivo. Além disso, está previsto também para o Kadjar RS uma configuração específica de tração integral e um sistema de deslizamento limitado especial.

Nenhuma informação oficial foi confirmada por enquanto pela Renault, mas especula-se que esse crossover deve chegar ao mercado apenas em 2017. Apesar disso, não há nenhum rumor sobre o possível preço desse modelo, nem em quais mercados ele será lançado.





O certo é que, se o design for de acordo com o criado e divulgado pelo designer X-TOMI, esse novo modelo deve conquistar muitos clientes, sobretudo os que já possuem outro crossover da marca, o Renault Duster.

Por Felipe Villares

Renault Kadjar RS

Renault Kadjar RS

Fotos: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *