Fiat entrará no mercado de picapes médias



  

O mês de outubro terá o início da Fiat no desejado ramo de picapes médias. Até o momento, os protótipos permanecem adotando a carroceria do Linea para os experimentos de rua. Desta forma, estará presente uma versão utilizando o motor 1.8 E.torQ EVO com alternativas de transmissão manual de cinco marchas e a automática de seis, com a tração 4×2. O motor 2.4 do Freemont é previsto de início para ter as versões direcionadas a outros mercados.

A parte dianteira possui posição dos faróis e entradas de ar, que irão permanecer como as da tese. Os faróis principais terão a característica de serem bem finos. Ao contrário da tese, a grade do modelo final terá maior altura e possuirá files horizontais. Os faróis auxiliares também estão presentes nas extremidades do para-choque, estando em alinhamento vertical com a seta e o farol principal.

Nas partes laterais, as linhas não estão muito ousadas em relação às do FCC4, permanecendo a linha de cintura bem elevada e os vincos mais definidos. Um deles acompanha a lateral completa, iniciando na lanterna de trás e indo para as maçanetas. Entretanto, a área envidraçada terá tamanho bem mais elevado no veículo definitivo, e a porta traseira, será vertical como nas picapes maiores. Para finalizar o design, um componente plástico na cor preta fará o contorno nas caixas de roda e seguirá pela lateral completa, ligando os dois para-choques.

Na parte traseira, o modelo possuirá o sistema de abertura da tampa da caçamba idêntico. A porta poderá ser aberta em duas partes assimétricas para os logos. A logo com formato da série comercial estará na parte central da tampa e terá utilidade como maçaneta de abertura. As lanternas não possuem características muito sofisticadas, entretanto, adotam um pouco as do FCC4. Elas adentram um pouco a tampa da caçamba e as partes laterais. O para-choque terá a placa de identificação.





Por Felipe Couto de Oliveira

Fiat 226 Picape

Fiat 226 Picape

Fotos: Divulgação



1 comentário em “Fiat entrará no mercado de picapes médias

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *