Linea melhora visual e preço para ganhar de vez o mercado



  

O sedã Linea vai ganhar algumas novidades interessantes para os fãs da marca e do modelo. A nova versão vai receber facelift, reforço no conteúdo e corte oficial nos preços. A Fiat quer fazer essa reestilização do Linea para atender as demandas dos compradores, que aguardam novas informações do veículo.

O Linea oferece agora duas versões de conteúdo, ambas com o motor E-torq de 1,8 litro, bicombustível. A versão Essence manual vai custar R$ 55.850 e vem ar-condicionado, direção hidráulica, piloto automático, vidros elétricos dianteiros/traseiros com one touch e sistema antiesmagamento, travas elétricas, retrovisores externos elétricos, acionamento rápido das setas, sinalização de frenagem de emergência, volante revestido em couro com regulagem de altura/profundidade e comandos para o áudio.

Além disso, ainda faróis de neblina, regulagem elétrica dos faróis, airbags frontais, freios com ABS (antitravamento), computador de bordo, apoia-braço central traseiro, banco traseiro bipartido, desembaçador do vidro traseiro, chave canivete com telecomando, porta-óculos, rádio CD com MP3 integrado ao painel e entrada USB, rodas de liga leve aro 15, ponteira de escapamento cromada e parafusos antifurto para as rodas como componentes de série.

Para o consumidor que quer acrescentar mais alguns itens, a versão Absolute Dualogic vai custar R$ 66.450 e dará as opções de ar-condicionado automático digital, troca sequencial de marchas por borboleta atrás do volante, Blue&Me, volante com comandos do rádio e telefone com oito botões, sensor de estacionamento traseiro com visualizador gráfico, bancos revestidos parcialmente de couro, parassol no vidro traseiro, rodas de liga leve de 17 polegadas e tapetes bordados.

A Fiat fez essas mudanças e abaixou o preço do novo Linea para conseguir aumentar as vendas do modelo em 30%. Seria, em números exatos, 9.750 emplacamentos em um ano.





O carro não traz nenhuma emoção, as mudanças foram pontuais para tentar angariar o consumidor, mas no quesito custo/benefício o novo Linea consegue atender muito bem as demandas do mercado. 

Por Carolina Miranda

Foto: divulgação



Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *