Hyundai e Toyota: as marcas que mais crescem no Brasil



  

As montadoras asiáticas entraram em uma concorrência entre si e quem agradeceu foi o mercado de autos do Brasil. O fim de 2013 mostrou a sul-coreana Hyundai e a japonesa Toyota como as marcas que mais se desenvolveram e ganharam participação de mercado no Brasil durante o ano.

Não bastasse, ainda tiraram uma parte do amplo domínio exercido pelas quatro empresas que atuam há mais tempo no mercado brasileiro. Fiat, Volkswagen, Chevrolet e Ford já concentraram 80% do mercado brasileiro, mas fecharam 2013 dividindo uma fatia de menos de 70%, números que mostram o crescimento da concorrência. A Hyundai fechou o ano em 6º lugar e a Toyota em 7º. A liderança permaneceu com a Fiat.

A Hyundai deve muito desse sucesso à linha HB20, que tornou a montadora sul-coreana a linha que mais cresceu e invadiu o mercado no último ano. As vendas tiveram uma expansão de nada menos que 96,5%. Já a Toyota teve um ano inteiro para colocar o Etios nas concessionárias e conseguir, desta maneira, ter um bom parâmetro de aceitação no mercado brasileiro. Trounou-se, desta maneira, a segunda marca com maior crescimento em 2013, alcançando uma expansão próxima dos 55%.

A Renault precisou ficar um pouco afastada da concorrência, já que as obras de ampliação da fábrica localizada em São José dos Pinhais (PR) levaram cerca de dois meses, o que provocou a paralisação total da produção durante o período. A inevitável queda nas vendas foi de 2%. Ainda assim, a montadora não perdeu a quinta colocação no mercado de leves.





Já a Honda comemora o crescimento de 3,2% nas vendas em 2013, mesmo sem oferecer nenhum lançamento durante o ano. Só que essa alta não foi suficiente para manter a sexta colocação no mercado. A Honda foi ultrapassada justamente por Hyundai e Toyota e caiu para a 8ª colocação no ranking geral. Já a francesa Citroën sofreu uma queda de 11,3% nas vendas e foi parar em 10º lugar, atrás da Nissan.

Por Chris Lino

Foto: divulgação



Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *